Visitas da Dy

quarta-feira, 12 de janeiro de 2011

(R)Evoluções

E eis que ontem peguei-me sem sono, mais uma vez, por conta de toda ansiedade que me consome sobre a minha ida para o Rio de Janeiro.
Passar num mestrado não é coisa fácil. Passar no mestrado e ter que sair de seu lugar é coisa mais difícil ainda.

Sempre pensei que sair da cidade seria uma boa opção, principalmente se o objetivo fosse o de seguir uma carreira na academia, mas eu NÃO queria seguir essa vida de academia.
Em Agosto de 2010 me lancei numa empreitada que era muito mais um desafio a mim mesma do que um planejamento de vida para o futuro. Comecei a estudar para o processo seletivo do mestrado da UFF e fui sendo surpreendida com aprovações em cada uma das longas fases e, aos 15 dias de dezembro de 2010, veio a grande vitória: passei para o curso e terei de me mudar para o Rio.
Quanta alegria e quanta paura. Abandonarei meu porto seguro, minha família, meus amigos, minha rotina pra ir a uma cidade maravilhosa sim, mas completamente fora do MEU MUNDO!

2010 foi o ano em que pude abrir as minhas asas. Vi-me mais independente, com muito mais responsabilidades, sim, mas em uma evolução tão grande que hoje, olhando para trás, chego a me assustar com tudo o que aconteceu.

Cresci profissionalmente, consegui grandes trabalhos, mudei a vida radicalemnte: de casada a divorciada, fiz amigos maravilhosos e reencontrei outros tantos que o tempo já se encarregava de esconder de mim.

Quero aproveitar esse ano de (r)evoluções pessoais, profissionais e crescer aidna mais em 2011 e todos os avaços serão postados aqui!

Um beijo e um queijo,
dy

2 Comentários:

Celso Junior disse...

Sabe quando falam que criamos o universo que desejamos à nossa volta?!
Sua busca de superar-se tornou-se nessa nova vida que você foi tecendo, assim do mesmo jeito que um senhora ao possuir linha e agulha de tricô. A única diferença é que no tricô da vida não dá pra se desfazer do ponto que supostamente esteja errado. Sei que não se arrepende das suas escolhas, ansiosidade e um pouco de medo é normal e salutar, sei também que muitas coisas boas virão para sua vida, para seu crescimento pessoal e autoconhecimento. Se por um lado te afastas do cantinho onde esteve acomodada desde sempre, o balançar das ondas podem te levar ao sucesso e trazer você com esse sorriso cativante, coração bondoso e mente racional a pessoas que precisam de você, assim como Eu! ( :

Dy Costa disse...

Oi, celso!
Menino, já respondi duas vezes esse comentário e nunca vai! rs

Obrigada pelas belas palavras!
Tomara deus que as coisas boas venhammesmo pra minha vida agora que vou experiemntar ares novos de verdade!

E, claro, espero contar muito com você!
beijo grandão,
dy

Postar um comentário